Bezerra de Menezes


Eu não sou espírita, mas estou louca pra assistir o filme "Bezerra de Menezes: Diário de um Espírito", com o grande Carlos Vereza no papel principal. Principalmente depois de ler uma de suas falas a respeito da profissão de médico, que posto aqui.

"O médico verdadeiro não tem o direito de acabar a refeição, de escolher a hora, de inquirir se é longe ou perto. O que não atende por estar com visitas, por ter trabalhado muito e achar-se fatigado, ou por ser alta noite, mau o caminho ou tempo, ficar longe, ou no morro; o que sobretudo pede um carro a quem não tem como pagar a receita, ou diz a quem chora à porta que procure outro – esse não é médico, é negociante de negociante de medicina, que trabalha para recolher capital e juros os gastos da formatura. Esse é um desgraçado, que manda, para outro, o anjo da caridade que lhe veio fazer uma visita e lhe trazia a única espórtula que podia saciar a sede de riqueza do seu espírito, a única que jamais se perderá nos vaivens da vida". (Bezerra de Menezes)
Tudo a ver com o que vivemos hoje no mundo da saúde, não????

Comentários

Vô Chico disse…
Ude, um dia talvez eu lhe conta uma passagem interessantíssima da vida do Dr. Bezerra, por quem tenho grande estima. É sobre uma conversa que ele teve com o republicano Benjamin Constant... sobre justiça.
Um abraço.
Willians disse…
Vô Chico.
Fiquei curioso com a tal história.
Esse um dia talvez deveria ser hoje, que é que voce acha?
Abraço
Willians

Postagens mais visitadas deste blog

Viva mesmo após a morte

09 de novembro de 1989

08 de agosto de 1990